Pelos olhos de Linhares da Beira

Majestoso no alto da sua colina, protege os vales aos seus pés.

O Mondego é seu aliado e mesmo que por estes lados os mouros já não façam tremer os seus súbditos, no seu trono há maravilhas que ninguém pode conquistar, apenas desfrutar, apreciar e preservar. Linhares da Beira é especial.

Aqui do alto o pôr do sol é um espetáculo que não se pode perder, e nas manhãs em que a neblina serpenteia lá em baixo, escondendo as povoações e transformando a paisagem num vasto lago intocável, neste trono podemos ser espetadores privilegiados.

Há quem venha até estas terras porque aqui podemos voar como os pássaros. Bem do alto da colina que se ergue atrás de nós. Saltado como águias de asas abertas, para um precipício etéreo que se estende até onde os olhos alcançam. Antes um campo de linho, hoje a Capital do Parapente.

10173522_831389156889556_6230966082355530747_n

A história por estas terras é parte integrante da alma das suas gentes porque aqui o tempo parou.

As ruas de pedra contam histórias ao ritmo do nosso caminhar. Quando passeamos por elas, estreitas e misteriosas, sabemos que no final delas o vamos encontrar sumptuoso, ainda majestoso, o castelo de Linhares da Beira.

Linhares da Beira poderia ser como as outras Aldeias Históricas que existem na região da Serra da Estrela. Podia, mas não é. Linhares é misteriosa, queda no seu palrar, obriga-nos a procurar recantos, desvia-nos o olhar enquanto caminhamos, e mesmo que as casas nos pareçam iguais às outras, de tantas aldeias por esta serra, aqui, a cor é diferente. O cheiro e o cantar da água aguça-nos os sentidos e, nos dias gélidos do Inverno rigoroso da Serra, quase podemos ouvir o cantar de donzelas, batalhas milenares e reuniões de nobres senhores que viviam por esta terra que deve o seu nome ao Linho que aqui se cultivava.

castelo

Terra de grandes batalhas que forjaram a nação, defensor dos seus e dos vizinhos.

Na Primavera Linhares da Beira convida pelas suas paisagens. Aqui é possível provar algumas iguarias beirãs e, aqui nesta pequena aldeia, podemos encontrar um dos melhores restaurantes da região, o Cova da Loba onde os sabores tradicionais são apresentados numa ode moderna à gastronomia.

Em Linhares ande a pé. Deixe-se perder, porque a certeza é que se encontrará, seja nas pedras da calçada, seja na água, seja no granito omnipresente, ou no Castelo assente no rochedo, ou na paisagem que se vai alongar a seus pés. Percebe-se porque foi escolhido este pedaço de mundo por tantos povos e cobiçado por tantos outros, aqui a nação estende-se até onde os olhos não conseguem alcançar mais!

 

Fotografia: Aldeias Históricas, Clube Vertical

 

 

 

0 replies

Leave a Reply

Want to join the discussion?
Feel free to contribute!

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *