Idanha-a-Nova e o Festival Fora do Lugar

Idanha-a-Nova está na boca de todos, seja por ter sido considerada Cidade Criativa da UNESCO, na área da Música, seja pela distinção de Reserva da Biosfera em 2016, um ano que assinala os 10 anos da criação do Geopark Naturtejo da Meseta Meridional, o primeiro geoparque em Portugal e a primeira classificação UNESCO da região.

Idanha-a-Nova é território UNESCO. Um incentivo à continuidade das boas práticas que sustentam os reconhecimentos obtidos, numa linha onde se insere, também, o resultado do trabalho desenvolvido junto de várias instâncias europeias que debatem e promovem o Projeto Europeu. Este Natal Idanha-a-Nova estará representado no Mercado de Natal de Estrasburgo, um evento com cinco séculos de história sendo a maior e mais antiga feira de natal europeia e que este ano tem Portugal como país convidado.

Natal à parte, Idanha-a-Nova é ponto de encontro por estes dias devido ao Fora do Lugar. Trata-se de um Festival de Música Clássica, que assinala a sua 5ª edição de 25 de novembro a 10 de dezembro e que se tem vindo a afirmar como um dos acontecimentos musicais mais originais do panorama nacional.

A edição deste ano traz novamente uma programação de grande qualidade e variedade. O cartaz que nos faz parar, parar para escutar. Para falar. Podemos parar para logo caminhar… ou parar por parar. Para ficar a olhar. Fechar os olhos e escutar, nas palavras de Filipe Faria, diretor do festival.

Sete lágrimas inaugura o Festival no dia 25. No dia seguinte atua Eduardo Paniagua em Monsanto. No dia 2 de dezembro é a vez do Trio Porteño atuar em Salvaterra do extremo. No dia 3 não perca o espetáculo Musicantes em Ladoeiro. No dia 9 de dezembro é a vez dos Kepa Boyd+Isaac Muller atuarem em Idanha-a-Nova.

cartaz-fora-do-lugar

Música, natureza, gastronomia, workshops e mini concertos. São estes os elementos que compõem o cartaz deste Festival que vai andar por terras de Idanha numa aventura para os sentidos. Conheça ao programa completo em www.foradolugar.pt.

0 replies

Leave a Reply

Want to join the discussion?
Feel free to contribute!

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *